sexta-feira, 31 de outubro de 2014

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Um dos melhores vídeos sobre o uso de biscoiteiras

Amigos, Asa Christiana é editor da revista Fine Woodworking e fez este vídeo com altas dicas sobre como usar sua biscoiteira e tirar o máximo dela. Vale a pena conferir!!


terça-feira, 28 de outubro de 2014

Inverter a Tupia?? Fale com o André da Horus Design!

Se tem no mercado uma pessoa que ajudou os marceneiros, é o meu amigo André Luiz. Ele é o proprietário da Horus Design, uma empresa especializada em fabricação de peças em acrílico.

Para esta tarefa ele usa alta tecnologia de corte a laser e com a sua competência e criatividade, consegue verdadeiros milagres nas peças que cria.

Uma das "ferramentas" mais impressionantes que ele desenhou e produziu foram as bases de acrílico que instaladas em tupias, possibilitam seu uso invertido em uma mesa:



















A inversão de tupias é uma técnica muito utilizada pelos marceneiros por que facilita muito o trabalho em peças menores. Desta forma, a tupia trabalha fixa e invertida numa mesa e a peça é que "vai até a máquina".

O André faz bases para várias marcas e tipos de tupia. E em parceria o nosso amigo comum, Sidney Cury, faz as mesas apropriadas para inversão de tupias:




E como fica a mesa pronta?? Veja:




Não há forma mais fácil de trabalhar usando tupias em peças pequenas. No exterior você encontra várias mesas e placas diferentes mas no Brasil, meu caro, só com o André mesmo!!!

Sem falar que os produtos dele não ficam devendo nada aos importados!!

Você quer maior versatilidade e praticidade de sua tupia?? Esta é a solução! Sério, ainda bem que temos o André por perto.!!

Além das mesas para tupia e suas placas, a empresa dele tem outros itens que ajudam muito como esquadro de precisão, porta brocas etc. Uma infinidade de produtos:

http://www.horusdesign.com/ecommerce_site/categoria_6204-6295-6708_272_Pecas-Tecnicas-Makita


O Som do Silêncio...

Amigos

A Makita acaba de lançar no Japão a parafusadeira de impacto modelo DTS 141 Oil Pulse Driver. Chama-la de assim não é bem apropriado. Talvez o nome certo para este tipo de máquina seja mesmo "parafusadeira de pulso hidráulico".

É que seu mecanismo não tem mais aquele martelo comum as parafusadeiras de impacto. Esta tem um mecanismo hidráulico onde a força do golpe é conseguido pela modulação da pressão do óleo que ela tem no mecanismo de disparo:


Este sistema proporciona um desenho mais curto para a máquina para que ela seja realmente compacta mas o que chama mesmo a atenção é o silêncio de sua operação. Esta é a grande vantagem do mecanismo de impulso hidráulico.

Importante isso?? Claro, eu mesmo tenho problema de ruído no meu trabalho. Nossa empresa é situada dentro de um resort, onde barulho que incomoda os hóspedes é um grande problema!!




E o seu vizinho? Você mora em apartamento? Pois é, começou a fazer sentido né??


Pois bem, esta máquina ainda não está no mercado brasileiro mas, em se tratando de Makita, logo teremos no Brasil esta novidade.

A Makita já teve uma parafusadeira parecida aqui mas este projeto é novo e muito mais perfeito.

Sua capacidade de aperto é grande se considerado que é um mecanismo hidráulico: 40Nm .

Veja o vídeo com mais detalhes:








A diferença de 82dB para 77dB parece pequena mas não é. Lembre-se que o Decibel é uma medida logarítmica e que a cada 12dB a pressão sonora dobra. Ou seja, esta diferença de 5dB no nível de ruído significa que ela é 40% aproximadamente mais silenciosa que as máquinas de impacto simples!!

Agora é esperar ela chegar aqui!!









segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Agora vamos começar a pagar a "conta"...

No noticiário da Globo.com:


Brasil, o País do MDF

Amigos, vocês já ouviram falar de Viviane Peixoto??

Pois é, num artigo da revista Fine WoodHomebuilding ela aparece como a a principal importadora de madeira bruta do Brasil para os EUA. Especialidades: Ipê, Cumaru, Massaranduba, Garapa e outras "especiarias exóticas"…

O link para a matéria:

http://www.finehomebuilding.com/design/departments/tailgate/viviane-peixoto-lumber-importer.aspx

O link para a empresa da qual ela é diretora:

http://www.advantagelumber.com

Viviane Peixoto

Você é livre...





Led Zeppelin...

O talento do "Led Zepelin"…

Espero que gostem!!!



video

Lula e o Diabo...

Amigos.

Recebi este vídeo hoje…

Divirta-se!!


video

domingo, 26 de outubro de 2014

E agora???

Tá legal é perigoso, a máquina perde o equilíbrio, perde o centro de gravidade e por causa disso perde precisão e fica perigosa…

Mas o sem noção aí tá se virando pra não ter problemas respiratórios….kkkkk



ihihihih


Você precisa mesmo de uma esquadrejadeira??

Amigos.

Há alguns anos, participando do GDM...

www.guiadomarceneiro.com/forum

… eu fiz uma proposta aos amigos que lá tenho, e que chamei de "Mudança de Rumo". É que todo marceneiro sonha em ter uma esquadrejadeira como esta:




Quem pode, pode, mas… e quem não pode?? Esta é a primeira pergunta.

E precisa mesmo?? Será que mesmo para os profissionais ela é necessária??

Como é que o marceneiro profissional americano se vira sem ela?? Nos EUA, esquadrejadeira é assim:


E elas custam verdadeiras fortunas! E só as marcenarias "gigantes" têm máquinas assim. O marceneiro profissional autônomo, nem de longe consegue justificar um investimento assim no mercado americano de marcenaria que é muito mais forte que o brasileiro e onde as máquinas custam ⅓ do que custam no Brasil.

É por isso que o marceneiro americano usa as máquinas chamadas de "cabinet saw", como esta:


Elas são infinitamente mais baratas que as esquadrejadeiras mas cortam com precisão suficiente para fazer os mais diferentes tipos de armários.

Só que o marceneiro americano não usa MDF para fazer móveis. Eles ainda não chegaram ao ponto que chegamos aqui. Lá tem "casas bahia" mas é um mercado muito pequeno se comparado com a marcenaria tradicional. É por isso que o marceneiro americano usa compensado e madeira maciça para fazer seus armários.

Outro fator interessante, é que é muito comum o marceneiro americano trabalhar na casa do cliente. Como é um país muito rico, trocar de casa não é raro. E eles não são apegados como a gente. O americano se muda e deixa tudo pra trás. Móveis, eletro-domésticos e até roupa de mesa e banho, imagine. Ele vende a casa com a "porteira fechada"…

E na casa nova?? Mesmo que não seja nova, seja usada, o novo morador na maioria das vezes derruba a cozinha toda e faz tudo novamente. Quando isso acontece, ele não mudou ainda para a casa nova, então ele tem tempo para fazer a obra antes de entrar em casa.

E o que o marceneiro faz?? Ele se "muda" de mala e cuia para a casa do cliente e faz tudo lá!!

Foi aí que as serras de trilho ganharam espaço. O marceneiro trabalha em sua oficina e completa o serviço na casa do cliente:




É por isso que as serras de trilho estão ganhando tanto espaço no exterior e quer saber? Aqui também!!

Para o marceneiro brasileiro esta é uma solução espetacular. É muito mais barata que a esquadrejadeira e tão precisa quanto.

Quando falo isso para os meus amigos, eles falam que eu "estou ficando louco" ou que "eu nunca entrei numa oficina profissional na vida"…. Eu sei que o marceneiro brasileiro sonha com uma esquadrejadeira mas está perdendo tempo e dinheiro!!

Tá certo, o Brasil virou o país do MDF e o marceneiro profissional está ficando sem espaço, perdendo terreno para as lojas que fazem cozinhas planejadas em MDF ou está perdendo para aquele "marceneiro" que desenha com a "dona da casa" o armário e manda cortar na madereira e só faz montar a cozinha. Mas o marceneiro de verdade, tem como aliada a serra de trilho. Ainda não descobrimos isso no Brasil mas é o futuro do marceneiro de verdade.

Nesta página do YouTube você vai encontrar vários vídeos que falam sobe o assunto numa abordagem que merece a avaliação de todos. É uma coletânea da Festool:

https://www.youtube.com/playlist?list=PLpBJfh9Law-BXd8mT7haHziKgTnpVRV-7

Lá você vai encontrar profissionais como Jory Brigham, marceneiro que vem de uma longa linhagem de profissionais na família. Veja:




Boa sorte!!

Ari

A aula mais completa sobre Systainers que já vi...

Espero que gostem!!






Quando está difícil furar, a Fein entra em ação

Amigos.

Furar madeira, concreto, chapa de aço todo mundo fura. Agora, quando o desafio é furar estruturas de aço, trilhos etc, pode deixar este assunto com a Fein. Ela sempre liderou o mercado de furadeiras para serviços hiper-pesados.

E seguindo por este caminho, veja esta tecnologia que ela desenvolveu para furação de alto grau de dificuldade:





Este pessoal está acostumado com soluções nada comuns para os problemas menos comuns ainda!!


Nova Fein Mutimaster!!

Amigos.

A Fein lançou a nova Fein Multimaster, o modelo 350Q.



Todos sabem que as máquinas de corte por oscilação foram inventadas pela Fein. A patente venceu e já há algum tempo, todos os grande fabricantes de ferramentas lançaram suas "Multimasters".

A Fein foi evoluindo para se manter na competição e tem conseguido isso. Até realmente a melhor multi-cortadora ainda era a Fein. Foi aí que a Festool resolveu entrar na festa e lançou a VECTURO, uma multi-cortadora cheia de macetes e que atiçou a briga com a Fein.



E com o lançamento da VECTURO ameaçou a liderança da Fein no segmento, esta então respondeu com uma Multimaster completamente nova, menor, mais potente, muito mais silenciosa e quase livre de vibrações transferidas ao operador!!  É o modelo 350Q, que vem com o que há de mais moderno em termos de motor elétrico e completamente redesenhada usando toda a tecnologia que só a Fein poderia aplicar. Veja o vídeo do lançamento:



Agora virou briga de cachorro grande alemão!!!



Ari.

sábado, 25 de outubro de 2014

A Festool Conquista as Mulheres!!!

Amigos, vejam que legal o trabalho esta senhora! Ela é uma empreiteira nos EUA e sua especialidade é a construção de cozinhas. Na verdade, ela é muito famosa nos programas de TV nos EUA que falam sobre reformas, DIY etc.

Vejam no final do vídeo, o resultado do trabalho de Kayleen MacCabe !! Seria MacCabenets??kkk



Quem vai gostar desta é a minha amiga Marluce!!!


,,,


sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Aspiração Industrial Makita

Amigos.

A Makita está aprimorando seus equipamentos de aspiração. Agora o novo aspirador VC4710  tem vários recursos como limpeza do filtro por retrocesso de fluxo de ar controlado eletronicamente.

Ele foi eleito pela Fine Wood Working como o melhor aspirador da atualidade tendo sido comparado inclusive com as famosas máquinas da Festool. Conheça um pouco mais sobre ele:



Após o fracasso de sua estratégia inicial, a Milwaukee Tool repagina sua atuação no Brasil

Amigos.

A Milwaukee entrou no Brasil há cerca de dois anos. E desde então ela vem sofrendo com a forte concorrência das empresas já estabelecidas no País. Nos últimos meses, a TTI, sua incorporadora,  resolveu fazer uma correção de rumo.

Demitiu mais de 60 pessoas e re-estruturou sua operação. Agora a importação e distribuição de seus equipamentos e ferramentas vai ficar a cargo de importadores independentes, mas controlados por um pequeno grupo corporativo ligado diretamente a TTI.

E mudou o foco também. O varejo continua mas a grande ênfase agora é a indústria. É que eles estão começando a visitar as indústrias fazendo demonstrações de seus produtos e tentando estabelecer uma relação mais próxima com o segmento.

Me parece uma saída muito inteligente e tem tudo para dar certo. Os equipamentos Milwaukee são mesmo muito bons e com características muito avançadas em termos construtivos.

Ganha o Brasil que continua tendo mais uma opção de equipamentos de qualidade.

A Milwaukee nos EUA é muito mais orientada ao mercado de construção civil. Já no Brasil, tudo indica que o foco vai ser a indústria mas, ela está preparada para isso. Seus equipamentos são mesmo preparados para esta tarefa também!!




Alta Tecnologia Bosch na carga de baterias!

Amigos.

A Bosch está lançando no exterior e logo no Brasil, as ferramentas equipadas com um sistema de recarga sem fio.

É uma tecnologia muito nova e também começou a ser aplicada nos carros elétricos mais modernos. A carga é feita por indução, sem a necessidade de contato físico entre o carregador a a bateria da ferramenta.








E sobre este lançamento a Bosch publicou no YouTube este vídeo:




Agora, você reparou que quando a mala da ferramenta é colocada no suporte da van, ela começa a carregar a bateria também???

Pois é, vem muita coisa nova por aí usando esta tecnologia!!

Vejam mais vídeos sobre este lançamento:







Espero que gostem.

A Furadeira e a Passafusadeira de Impacto

Amigos.

Há sempre muita confusão em torno do uso de uma furadeira como parafusadeira. E existe uma ferramenta menos conhecida que é a parafusadeira de impacto.

Este vídeo foi o primeiro que fiz no GDM e mostra as diferenças entre as parafusadeiras de impacto e as furadeiras/parafusadeiras.

Espero que seja útil para você!!